Total de acessos

Teste

sexta-feira, 9 de setembro de 2016

Folha: Em crise, incorporadoras pressionam bancos para financiar imóveis na planta

Sem o recurso, o comprador desiste da aquisição - o chamado distrato, no jargão do setor - e a incorporadora precisa revendê­-lo para pagar as dívidas que contraiu ao realizar a obra. Ao lado da queda nas vendas, essa tem sido uma das principais razões para a crise do setor

Pressionadas pelo aumento das desistências de compra de imóvel, incorporadoras querem que os bancos antecipem o financiamento imobiliário para o momento de venda na planta.

A prática já acontece entre os bancos públicos, sobretudo em empreendimentos de habitação popular. Já os bancos privados resistem à proposta por entender que ela aumenta seus riscos.

Hoje, o mais comum é que o comprador pague uma parte do imóvel à incorporadora durante a obra e contrate o financiamento com o banco quando receber as chaves.

O problema é que, nesse meio tempo, a situação financeira do cliente pode piorar a ponto de o banco rejeitar a concessão do crédito.

Sem o recurso, o comprador desiste da aquisição - o chamado distrato, no jargão do setor - e a incorporadora precisa revendê­-lo para pagar as dívidas que contraiu ao realizar a obra.

Ao lado da queda nas vendas, essa tem sido uma das principais razões para a crise do setor. Ao antecipar a concessão do financiamento para a compra na planta, porém, o risco de distrato desaparece porque o cliente já tem um contrato com o banco.

À medida que a obra avança, o banco libera dinheiro para a construtora e cobra do cliente juros sobre esse repasse. O pagamento das parcelas do financiamento começa após a entrega do imóvel.

Bancos resistem
Mas se depender das instituições financeiras, porém, a probabilidade de o plano ser ampliado para outros segmentos é baixa. Bradesco, Itaú e Santander não oferecem o produto em nenhuma linha de financiamento.

Do ponto de vista dos bancos, um dos principais problemas é a dificuldade de prever a inflação entre a compra na planta e a entrega do imóvel e embuti­lo no financiamento, segundo Gilberto Duarte, presidente da Abecip (Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança).

Outra questão é o que acontece caso ocorram problemas na obra, como embargos da construção e atrasos na entrega. Ainda que os bancos afirmem contratar seguros e poder trocar a construtora, esse processo não é simples, segundo Lima Júnior, da USP.

"É um risco que o banco não sabe dimensionar e um controle que ele não sabe fazer. Ele não tem expertise nisso", afirma o professor.

(Folha de São Paulo - Mercado - 29/08/2016)

VEJA VÍDEOS SOBRE O ASSUNTO AQUI NO BLOG OU PELO LINK

25 comentários:

  1. Trabalhar com dinheiro alheio eh fácil neh

    ResponderExcluir
  2. Penso que a CEF deveria ter alguns dos seus contratos imobiliários investigados.

    ResponderExcluir
  3. O problema e "preços bolhudos" num pais pobre. simples assim....Imovel nao e investimento, o nome ja diz "imovel".1200 reais o m2 vende...do contrario brazuka nao tem renda pra compra,nem a vista e nem a prazo financiado ate 35 anos no cabresto.O bancos estao certos pois.."voce estara desempregado amanha" e o banco ficaria no prejuizo.Essas destrutoras deveriam ter recursos proprios para as obras, e nao emprestimos bancarioas a juros a perder de vista para a obra.
    O correto e: primeiro construir a obra inteira e depois vende.Vender no papel que aceita tudo( compra e venda de imovel inexistente) e um problema.
    Mas que temos uma bolha e certo.E que vai baixar preços ao extrem e mais certo ainda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Certeza? Vou ali vender meu fuscão para comprar um apto então.
      Abraço!

      Excluir
    2. 10 por cento ao ano por 3 anos é o q já caiu! Vc só não viu isso pq é em VALOR REAL. No ritmo de inflação q estamos, chegará a desvalorização de 40-70 por cento até 2018. Quem viver verá! Esperto foi o pessoal q juntou dinheiro na bonança, economizaram quando todo mundo gastou e provavelmente escutaram umas poucas e boas, foi aplicando bem, comprou dólar na hora certa, vendeu na hora certa e agora ri a toa dos otários q se achavam ricos com dinheiro do banco kkkk É tão lindo!

      Excluir
  4. Isso mostra a nova realidade do mercado imobiliário, onde os distratos são o estouro da bolha.

    A bem da verdade, o estouro dos distratos é pior que o estouro da bolha, pois esse leva a construtora a falência.

    ResponderExcluir
  5. Compre 10 ape e fique ape-rtado kkkk...nao esqueça as grades hein..corvo detected...vai couve ai, vai..kkk

    ResponderExcluir
  6. Quem prefere pagar aluguel à ter, por exemplo, 10 imóveis?? Eeeuuu, eeeuuuu, eeeuuuu, eeeuuuu, eeeuuuu.... só aqui neste blog... kkkkkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. prefiro ter o valor equivalente a 10 imoveis rendendo a uma das maiores taxas de juros do mundo e morar de aluguel. kkkk

      Excluir
    2. Vamos ver, 10 imóveis rendendo 0,3% bruto ao mês ou valor equivalente rendendo 1,1% bruto ao mês? Isso sem falar da possibilidade de um ou vários desses imóveis ficarem vazios gerando não só a perda do mísero 0,3% como a chegada dos boletos de condomínio e iptu! Incrível achar tanta gente disposta a brigar com a matemática mais básica...

      Excluir
    3. E que o pessoal aqui tá esperando o metro quadrado chegar a 1.500,00 e o Palmeiras ganhar o mundial.

      Excluir
    4. Um cara q é rico de verdade e não um lambe-saco analfabeto em matemática igual a ti, q sabe equilibrar os investimentos, proteger o patrimônio e ainda te acha um otário útil q trabalha vendendo ilusões aos outros. Melhor coisa q um retardado igual a vc tem a fazer é um PROEJA pra ver se aprende alguma coisa, caso contrário se prepare pra disputar comida com os pombos! Como é bom ter retardados pra repetir os jargões da especulação... enquanto isso vou aqui surfando nos maiores juros do MUNDO, só assistindo o desespero dos até-então "espertões" kkkkkk.

      Excluir
  7. Quando o m2 chegar em $2 mil eu acordo vcs... kkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. $2 mil e muito ainda,corvo detectado, me acorde, quando estiver "doando os bolhudos" pra eu fugir do condominio=gaiola ta...kkkk...deve estar dificil achar otarios hein....

      Excluir
    2. Precisa não, prefiro estar curtindo os juros q vc paga pra mim em Lisboa. Vlw otário! kkkkk

      Excluir
    3. Não chega e não vende....kkkkkkkkkkkkk. Nosso país é composto de pobres, acorda!!! KKKKKKKKK

      Excluir
  8. Mundial já tem, o segundo ítem, é questão de tempo, coisa para quem tem paciência e não cai em papo furado, não cai em golpes, não faz parte da manada "i love crédito" e aprendeu um pouco de matemática básica.
    Construa, fica bem menos que isso.

    ResponderExcluir
  9. Corvolino entrando no Despair!
    Stay cold man, only just beginning!!!!

    ResponderExcluir
  10. Acorda meninos..!!!! Eitaa... foi mal... ainda ñ chegou em $2 mil... kkkkkkkkkkkk... rindo até chegar em $2 mil.... kkkkk... chegou... #sqn kkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse blog está ficando uma bosta. Só tem idiota trolando. Tô fora, não entro mais.

      Excluir
    2. Ta é mt bom, daqui a uns tempos esses comentários vão ser a piada mais deliciosa do mundo !

      Excluir
    3. Enquanto houver "corvos detectados", estaremos felizes aqui no blog "imoveis na chom" sem corvos "depenados" nao tem graça alguma....kkkkk...
      Esse blog esta Show de bola, alem de ser democratico, e super informativo, ensina como nao cair em "arapucas" do setor imobiliario em geral.
      Alem do mais ainda ensina "matematica" aos leigos.
      Observador do mercado tambem E CULTURA.Parabens,,,

      Excluir
    4. Voce e o unico que ri enquanto "Seu barraco desaba"..kkkk...legal isso...kkkk continue assim...rsrsrsrsrsrsrsr...

      Excluir
  11. Hei nachon, kd vc?????

    ResponderExcluir