Total de acessos

Teste

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

Portal G1: Investir em renda fixa é mais interessante do que em imóveis

Já imaginou uma pessoa que sai de loja em loja comprando roupas esperando valorização para vender? Pouca gente faria isso ou apostaria no lucro dessa estratégia. No entanto, como o mercado imobiliário mexe com o imaginário e o emocional de muitos, a irracionalidade financeira entre em cena. [...] Além disso, não é verdade que os imóveis valorizam a cada ano. Na verdade, os preços dos imóveis não têm conseguido acompanhar sequer inflação, conforme pode ser constatado nos dados do Índice Fipezap

Dúvidas sobre investimentos costumam ser constantes entre os leitores. 

O risco de manter o dinheiro investido em imóveis para aluguel não se restringe apenas à possibilidade de inadimplência do inquilino. O proprietário também perde quando o imóvel fica desocupado, além dos custos das benfeitorias que porventura necessitem a propriedade - são de responsabilidade exclusiva do proprietário.

Além disso, não é verdade que os imóveis valorizam a cada ano. Na verdade, os preços dos imóveis não têm conseguido acompanhar sequer inflação, conforme pode ser constatado nos dados do Índice Fipezap.  Se um imóvel avaliado em R$ 1 milhão, por exemplo, for alugado por R$ 5 mil, a taxa de aluguel mensal desse proprietário será de 0,5%. Ao longo de um ano, isso representa 6,17% - percentual abaixo da inflação registrada em 2016, que foi de 6,29%. Em algumas situações, a rentabilidade do aluguel chega a perder da poupança, uma das piores aplicações disponíveis.

Se imaginarmos investimentos de baixo risco atrelados a taxa de juros - considerando a taxa Selic no patamar de 13% e mesmo com uma eventual queda para 12,5% - é possível conseguir uma rentabilidade líquida acima de 0,75% ao mês. Entre as opções mais viáveis, estão o Tesouro Direto e o CDB de bancos, no caso do último desde que seja dividido até o limite de R$ 250 mil, que é o valor coberto pelo Fundo Garantidor de Crédito (FGC).

Além disso, as aplicações financeiras têm a vantagem da liquidez - principal revés dos imóveis. Sem contar que imóveis ainda geram custos, entre eles, a corretagem, que pode representar 6% do valor total da propriedade.

Valorização X Desvalorização
A questão da valorização imobiliária também merece mais uma observação: em geral, os valores de mercado já incorporam a valorização do imóvel. Por exemplo, se o vendedor já prevê a construção de um shopping ou metrô perto da propriedade, o imóvel fica mais valorizado e isso é incorporado ao preço de venda. Da mesma forma, se algum fator como trânsito ruim ou índice elevado de criminalidade afetam a localização do imóvel, isso conta como fator de desvalorização na hora da venda.

Ainda, é necessário levar em conta que os corretores e especialistas tendem a avaliar imóveis com valores acima da realidade de mercado para incentivar potenciais proprietários a vender. Na prática, o proprietário deve ter como valor o preço de mercado, ou seja, quanto pagam pelo imóvel, e não pelo quanto imagina que ele valha.
 
O preço de um produto ou de um imóvel segue equilíbrio de mercado: um imóvel anunciado acima do preço de mercado, não teria compradores e obrigaria o vendedor descer o preço. Por outro lado, nenhum proprietário, em condições normais, venderia seu patrimônio por um preço menor do que os compradores estão dispostos a pagar.

Por fim, quando é feita uma análise financeira, é necessário levar em conta todos os custos e taxas e o imposto que deve ser pago ao vender o imóvel.

Para profissionais
Quando compramos uma propriedade, em regra, o valor anunciado não é o valor total. Ou seja, virão ainda os custos como impostos para registrar o imóvel além de eventuais gastos com acabamento ou pequenas reformas, entre outros. Na hora da venda, a lógica se inverte: para saber quanto entrará no seu bolso é preciso descontar a corretagem e o Imposto de Renda.

Existe uma regra de ouro que vale para qualquer negócio: o profissional, aquele que entende do assunto, sempre vai ganhar mais e fazer melhores negócios que o mais bem preparado e sortudo amador.  Ele conhece o mercado, os limites, os meandros.

Dessa forma, imóvel pode ser um ótimo negócio, se você for profissional no ramo. Assim como qualquer outro setor, os especialistas ganham e ganharão dinheiro. Isso vale para qualquer outro ramo de atividade.

Já imaginou uma pessoa que sai de loja em loja comprando roupas esperando valorização para vender? Pouca gente faria isso ou apostaria no lucro dessa estratégia. No entanto, como o mercado imobiliário mexe com o imaginário e o emocional de muitos, a irracionalidade financeira entre em cena.

(Portal G1 - Economia - Blog - Samy Dana - 12/01/2017)

VEJA VÍDEOS SOBRE O ASSUNTO AQUI NO BLOG OU PELO LINK

83 comentários:

  1. Rentabilidade liquida acima de 0.8 % ao mes mantendo o pode aquisitivo do principal intacto ???? Em renda fixa ???? Onde ????

    prefiro imovel, muito mais seguro... mais ha quem acredite nessas noticia plantada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabe nada de investimento ou pelo menos finge que não sabe. Tenho LCA em Banco de menor porte o que me rende mais de 1% ao mês líquido livre de imposto de renda.
      Quem tem 500.000 bem aplicado, após um ano se continuar aplicando mais um pouco todo mês somado ao rendimento terá tranquilamente mais de 570.000.
      Enquanto alguem que compra um imóvel hoje por 500.000 paga em torno de 22.500. Total de 522.500. Seguindo a tendência de mercado e tentar revender após 01 ano terá muita, mas muita sorte se vender pelo mesmo valor. Lembrando que terá que descontar uns 30.000 de corretagem. Prejúizo do valor gasto com os trâmites burocráticos menos o que teria ganhado no investimento de aproximadamente uns 100.000.
      Não acreditem nesse tipo de comentário. A maioria dos corretores moram de aluguel, mas vendem a imagem que o melhor é comprar e financiar.

      Excluir
    2. Tesouro Direto, CDB, CDB de banco menores, LCI, Debentures incentivadas..

      Excluir
    3. Tenho uma LCI em um dos maiores bancos do Brasil, ou seja, um dos que pagam menos para captar seus recursos. Minha rentabilidade líquida é entorno de 0.85% ao mês (82% da CDI). Então suponho que o anônimo 7:21 tá falando sobre o que não sabe.

      Excluir
    4. Xoooooo Corvo, para de mentir na cara dura, assim, esqueci, vocês não conseguem parar de mentir.

      Excluir
  2. Diante do atual cenário, com baixa de juros, não vejo grandes vantagens. Ainda, IR retido na fonte, algo que pode ser evitado nos imóveis...

    ResponderExcluir
  3. reportagem irresponsavel, isso tudo é mentira, nao a nada mais seguro do que investi em imovel, isso é no mundo inteiro, é mais seguro e tem mais retorno. na europa, eua e paises de primeito mundo imovel é o melho investimento, dai vem o brasileiro que nem sabe lê e vem com essa historia, estao tentando de todas as forma destruis os corretores, construtas e setor imobilairio, só que isso nunca vaia acontece, engracado que diz que imovel nao é bom, mais, 99% DA POPULACAO QUER COMPRA UMA CASA OU UM APARTAMENTO, OU SEJA A DEMANDA É SEMPRE ALTA, NUNCA QUE DEIXARA DE VENDE, E O PREÇO SEMPRE SERA ALTO, POR QUE TODOS QUEREM COMPRA A CASA PROPRIA, o resto é conversa de pessoa que nao tem como compra e inventa investi e nunca vai te grana, passar bem, seus medilcre.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Xoooooo corvo não tem pão velho xooooo vai estudar.

      Excluir
    2. Corvos Esfomeados pirando... Corvos 666 se suicidando geral kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      Excluir
    3. Observador, esse cara é troll fica escrevendo errado de propósito. Não é possível não postar o que ele envia?

      Excluir
    4. Corvo lazarento comprei papel, caneta e livros de gramática portuguesa, agora quem sabe aprenda a forma uma única frase sem erro de concordância verbal.

      Excluir
    5. Esse corvos não aprendem mesmo... vão capinar pra ter o que comer.

      Excluir
    6. Caro leitor (Anônimo 11:18):

      Agradecemos pelo contato e pela sugestão, esclarecendo que o comentário por você citado não viola as regras do blog, tampouco atenta contra a legislação vigente.

      Ao mesmo tempo, compreendemos a sua colocação, e informamos que a sua sugestão será analisada para que possamos melhorar nossa política de comentários.

      Sinta-se à vontade para nos enviar críticas e sugestões.

      Um abraço,

      Observador

      Excluir
    7. Esse Anônimo13 de janeiro de 2017 11:18, parece ter minhoca na cabeça. Sempre acompanho os comentários do Blog, e sempre haverá diversas opiniões, ainda bem que é assim.

      Agora tudo que escreve a pessoa vem dizer que é troll, to achando que o troll aqui é você, ninguém mais pode escrever errado é isso? porque esse Anônimo13 de janeiro de 2017 11:18, parece papagaio sempre repetindo a m palavra Troll.

      Excluir
    8. É fake mesmo. Não tem como.

      Excluir
    9. Tenho a impressão que o anônimo 12:48 é o mesmo que fica escrevendo errado e fingindo ser corretor em todos os posts, só que dessa vez escreveu sério.

      Excluir
    10. Não entendi por que o Anônimo13 de janeiro de 2017 11:18, esta tão revoltado com o comentário do corvo, deixa ele escrever errado, é bom que o corrigimos. Não entendo essa implicância de sempre tentar corrigir o português próximo, acho até plausível quando se é para ajudar, mas vejo que aqui, as pessoas tenta tirar sarro e sacanear de quem escreve errado.

      Esse Anônimo13 de janeiro de 2017 11:18, vá se tratar pelo jeito tem problema em ser perfeito

      Excluir
    11. Tenho certeza que o Anônimo13 de janeiro de 2017 11:18 só pode ser uma pessoa infeliz, o cara sente prazer em ficar corrigindo quem escreve errado, que coisa feia.

      Eu por muitas vezes escrevi errado, e sempre aparecia gente do seu tipo para zombar e tirar sarro, como se fosse melhor por isso, mas a vida é assim, tem pessoas que sempre se senti superior aos outros.

      Excluir
    12. Falta muito discernimento e conhecimento pra vc a respeito do mercado financeiro viu.
      Não existe no MUNDO um setor que mais se ganha dinheiro, seja trabalhando nele, seja investindo nele.
      A sua visão está muito presa ao mantra do passado, acho que vc não conseguiu enxergar as vontades e necessidades das novas gerações que demandam outras coisas, por isso vc ainda tem essa idéia de casa própria e que é o "melhor" investimento, quando na verdade é de fato o pior dentre todos. E outra coisa que vc deve ter em mente, moradia é uma coisa, investimento é outra.

      Excluir
  4. A crise não é o creme!
    To pensando o q terá na mesa do brasileiro daqui a 2 anos..se tiver mesa..

    ResponderExcluir
  5. LCI sem pagar IR não seria um bom negócio?

    ResponderExcluir
  6. Ahhh ele falou de 0,5% ao mês, mas ainda faltou abater: 27,5% de IR 10% de vacância 10% de taxa de administração imobiliária 2% AA do valor do imóvel referente depreciação do bem

    ResponderExcluir
  7. Em 2013, após tomar conhecimento através do Blog e por percepção lógica que havia algo de errado em relação aos preços dos imóveis, decidi vender meu apartamento de 50 metros quadrados, que havia comprado por 50.000 em 2006, embora achasse que não valia 100.000, os Corvos avaliaram em 300.000. Detalhe moro em Pará de Minas, cidade pequena, sem nenhum lazer, praça, clubes, faculdades boas, etc.
    Ruas apertadas, não existe água potável para beber, pois a água vem diretamente do Rio Paraopeba, ou seja, o povo bebe xixi e coco líquido. Água turva fedorenta.
    Pois bem, em pouco tempo vendi, minha esposa quase enlouqueceu, meu cunhado falou que terra sempre valorizava, etc.
    Fui em frente. Aluguei uma cobertura no Centro da cidade por 1.300 mais 300 de condomínio. Morando com gente bacana, perto de tudo, que a cidade tem.
    Coloquei a grana no LCA banco do Brasil 200.000 e 100.000 no LCI na
    CEF, o que me passou a render em juros compostos limpinho todos os meses em torno de uns 3.000, tirando os 1600 de aluguel e condomínio, ainda me sobravam 1.400, que iam sendo guardados.
    Ocorre que minhas despesas eu não usava do rendimento e sim de meu salário.
    Resumo da história, hoje tenho 450.000 aplicados que posso comprar coisa muito melhor (mas não quero), o apartamento que vendi hoje não vale 150.000 se vender, meu cunhado que tinha uma casa e não vendeu, hoje ganha 500 de aluguel, quando recebe. Quase chorei pra ele vender mas não quis (quem compra terra não erra) , dizia ele. Na época, chovia de gente querendo comprar a casa dele, em um lote de 200 metros com um casebre de 45 metros quadrados que poderia ter sido vendido por 250.000. Hoje não acha 50.000.
    É assim meus amigos, deixa esse povo morrer abraçados aos seus tijolos. Eu estou feliz por ter sido alertado aqui, caso contrário, estaria morando no pombal de 50 metros quadrados.



    ResponderExcluir
  8. Prefiro gasta meu dinheiro em imovel, é o mai seguro e nunca desvalorisa, e ninguem te toma, o que é seu é seu, essas aplicacoes que inventam nao é seugra nao vale a pena, é perde dinheito.

    imovel é o melho investimneto isso é falado desde de 1500 entao nao adianta ir contra a verdade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seria mior tu gastá seu dinheiro em estudo... pur que escrêve coreto é pra pouco, num é mesmu sr CORVO, mim agora vai Lê um livru.

      Excluir
    2. SR. Adm. do blog O Observador, tu deveria excluir o comentário do Anônimo13 de janeiro de 2017 11:20, ele só vem aqui nos cometários para ficar chamando os outros de Troll, pelo que percebo o único troll é o Anônimo13 de janeiro de 2017 11:20

      Excluir
  9. 0,5% ao mês, ele foi otimista, o meu aluguel é de 0,3%

    ResponderExcluir
  10. Samy, "preço de mercado" de qualquer bem, em última instância, é o maior preço de geração de negócios (compra e venda). Se um preço não gera negócios, ele está acima do "preço de mercado"

    ResponderExcluir
  11. Se eu vendo um título do Tesouro Direto em menos de 30 dias é cobrado IOF. É cobrado o IR também nesse caso? Alguém sabe responder?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, é cobrado IR também.

      Excluir
  12. Boa reportagem. Imóvel é para morar! Não é investimento! Se vc comprou um imóvel e não precisou vender o outro é outra coisa: herança. Vai deixar para filhos, netos etc. Investimento, neste momento, é deixar o dinheiro aplicado, não em poupança. Têm LCI, LCA, Tesouro Direto etc.
    Pessoas ganharam comprando e revendendo imóveis até 2013. Foi um momento. De 2014 para cá a maioria que comprou está com o abacaxi na mão! Compraram com preço alto, muito alto. Revender para quem?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. tu não tem dinheiro pra compra dai fica aqui falando asneita... va trabalha e estuda, quem sabe tera um dia condição de compra alguma casa pequena que é bem o seu nivel

      Excluir
    2. A corvaiada pira né corretor anônimo 09:18! Exatamente o contrário, quem estuda é quem não entra nessa furada. O Brasil tem que evoluir demais na área de educação, enquanto isso não acontecer, muitas pessoas vão cair na sua conversa fiada de valorização de 30% eterna.

      Excluir
  13. NUNCA que investimento em renda fixa é melhor que investir em imóveis.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Há investimentos melhores do que renda fixa, mas renda fixa é superior à poupança que por sua vez é superior à imóveis. Imóveis hoje não podem ser considerado investimento, pq quem compra leva prejúizo. Hoje é prejuízo.
      Se é tão bom investir em imóveis, então compra ai uns três e logo em seguida vende. Depois me conta quanto dinheiro perdeu.
      Cada comentário viu!

      Excluir
  14. Construção civil só terá inflexão em 2018 no Brasil, diz Moody’s
    A expectativa da agência é que a receita das incorporadoras nacionais oscile entre queda de 10% e alta de 10% em 2017 e 2018

    http://exame.abril.com.br/economia/construcao-civil-so-tera-inflexao-em-2018-no-brasil-diz-moodys/

    ResponderExcluir
  15. kkkk faz mi , querem a todo custo dize que imovel nao é bom investimento, kkkkk imovel é e sempre sera o melho e mais seguro investimentos, aposto que se voces que comenta aqui tivesse dinheiro ja teria comprado seu apartemento e nao teria aplicado nesses fundos enganador e sem bom retorno,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As unicas pessoas que ganham dinheiro com imovel sao as construtoras e as pessoas que sabem aproveitar a oportunidade (alavancagem) que são casos e momentos pontuais.
      De resto, o imovel não é um bom investimento mesmo, e isso não se trata de guerra contra o setor, se trata de matemática pura e simples. Não tem como ir contra a matemática elementar.
      São os numeros, nao se pode lutar contra isso, e a matematica é implacavel, nao aceita desaforo.
      Agora se vc nao quer discutir razao, e quer ir contra a matematica, entao vc nao esta pensando, vc está agindo com paixao, ai realmente nao tem o que fazer, é um problema seu.
      Mas ir contra a matematica é impossivel, IMPOSSIVEL, só resta aceitar mesmo.
      Até pq se a matematica nao fosse exata, seu computador e nem mesmo a internet existiria.

      Excluir
  16. A DIFERENÇA entre preço, valor e anuncio

    um engraçadinho uma vez disse “preço é por quanto vc compra, valor por quanto vc vende”
    e anuncio não é porra nenhuma

    valor é dado pela rentabilidade e uso que aquele bem gera
    preço é o valor + um gap pra mais ou pra menos considerando as suas questões específicas, tipo o custo de oportunidade

    não sei se enrolei demais, é simples:
    o valro de qualquer bem é dado pelo que ele te dá de retorno, no caso do imóvel o aluguel é um excelente número, mas suponha que seja pra uso próprio, que retorno aquilo vai te trazer de volta em qualidade de vida em produtividade, se te fará ganhar tempo e saúde ou se vai te piorar sua vida, o aluguel é uma média social, o que pode diferir pra vc, e tem que considerar o custo de oportunidade médio daquele país onde está inserido, seja pelos juros, ou pela dinamica economica, por ex. os bancos preferem alugar sua aagencias uma vez que emprestar aquele valor lhe rende muito mais que a rentailidade do aluguel, uma fábrica tbm pode chegar na mesma conclusão, investir em produção pode ser mais rentável, ou uma pessoa física

    bem, enrolei mais ainda….

    Anuncio de sites pagos ou grátis refletem apenas desejos que podem gerar ou não um negócio
    o que mais podemos chegar perto do valor real são anuncios em sites de leilão, pq lá vc acompanha de verdade o inicio, meio e fim da negociação, coisa que no mundo real só sendo amigo do dono do cartório.

    ps: denovo o imóvel do vizinho do fernando rpa vcs irem acompanhando, 50%off, que mencionei no post passado
    http://www.zukerman.com.br/ns/p/sp/sao-paulo/leilao-de-apartamento-vila-clementino-zona-sul/9770/105704?telaCat=1

    ResponderExcluir
  17. kkkkkkkkkkkkk lembro como se fosse hoje, a arrogância e falta de educação e caráter dessa raça chamada Corvo. Fui humilhada ao tentar comprar um apartamento, só pelo fato de eu ter feito a proposta de redução no valor, praticamente me chamaram de mendiga e morta de fome, riram da minha cara, chamei a polícia e entrei com o processo, ganhei as duas primeiras estancia, e claro os mesmo recorreram, porém, se Deus quiser na última sairei vencedor.

    Então, desejo que as construtoras juntamente com seus Corvos Mortos de Fome, sangrem e caiam muito, a sarjeta é a melhor definição para essa gentalha.

    ResponderExcluir
  18. Meu triplesquisssssssssss de 300m2 vista para o mar e com hidromassagem, vale muito mais que qualquer aplicação, caso tenham interesse.

    Favor ligar 191 e falar com 171 cachaceiro.

    ResponderExcluir
  19. Em 2030, o País terá um contingente de mais de 233 milhões de pessoas e cerca de 95,5 milhões de famílias. Nas condições estudadas, estima-se uma média de 2,5 pessoas por moradia, o que significará cerca de 93,1 milhões de domicílios – um crescimento de aproximadamente 66% em relação a 2007. Nesse período, 37 milhões de moradias surgirão em todo o País

    Impossível não comentar.
    http://www.ibge.gov.br/apps/populacao/projecao/ –> Projeção demográfica em tempo real do IBGE afirma que
    Ano de 2000 – 173448346 habitantes
    Ano de 2010 – 195497797 habitantes
    Ano de 2020 – 212077375 habitantes
    Ano de 2030 – 223126917 habitantes
    Mas…
    http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/censo2000/tabelabrasil111.shtm
    No censo de 2000 foram contados 169799170 de habitantes
    http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/censo2010/default.shtm
    E em 2010 foram contados 190732694 de habitantes

    Como pode um órgão estatístico fazer uma contagem populacional duas vezes (2000 e 2010) e depois dizer que se enganou e que o Brasil tinha 5 milhões de habitantes a mais que não foram contados? As 233 milhões de pessoas a que a reportagem se refere era uma projeção do IBGE em 2007, hoje, 10 anos depois e com 5 milhões a mais o IBGE afirma que vamos crescer 10 milhões de habitantes a menos e atingir 223 milhões em 2030. E não para por aí, os cálculos foram realizados antes do Zika vírus e da crise econômica fazer com que milhões de casais desistissem de ter filhos.

    Cesar DF, você afirmou que nosso vale em São Paulo e Rio será em 2021, concordo e acredito que após 2021 os preços podem subir de uma maneira irrisória, durante um período curto de tempo e depois voltar a cair rumo ao abismo, pois a inversão demográfica está chegando com uma velocidade surpreendente, os cálculos do IBGE são feitos da mesma irresponsabilidade que um tsunami é ignorado por ainda ser uma onda de 2 centímetros no meio do oceano.

    ResponderExcluir
  20. Casas populares feitas de terra com impressora 3D custarão US $ 1000
    http://www.stylourbano.com.br/casas-populares-feitas-de-terra-com-impressora-3d-custarao-us-1000/

    ResponderExcluir
  21. Quem é o louco desvairado que vai gastar dinheiro com POMBAL nesse BANANAL tomado pela violência e desemprego, além do preço ser surreal, pensam que SP e RJ é Londres e NY kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Só esses CORVOS ESFOMEADOS, para ter um grau tão alto de delírio kkkkkkkk continuem no mundo da fantasia.

    ResponderExcluir
  22. Nós Avisamos !!! imóvel é um péssimo negócio, mas existem gente burra e ignorante que insiste no erro e não aceita a verdade, mesmo esfregando na fuça do trouxa.

    ResponderExcluir
  23. No Rio de Nojeira os prédios muito velhos na ZS, proprietários que ou não estão nem aí para o estado do imóvel ou não tem grana para bancar uma reforma, o que torna a locação um suplício para quem quer morar em um imóvel em bom estado.

    Mas também entendo em parte o lado dos proprietários, a maioria dos locadores detona o imóvel, fura as paredes e azulejos, coloca pregos e parafusos sem o menor cuidado, detona móveis e piso, e o proprietário em geral pensa, vou reformar para que? O próximo vai destruir mesmo.

    Ou seja, imóvel já foi bom investimento, hoje é um abacaxi sem tamanho.

    ResponderExcluir
  24. Tirando o triplquessssss do Luladrão que ganhou de grátissssssss... imóvel é um péssimo negócio, é uma divida de 30 anos no qual o risco de perder o Pombal, é maior do que as chances de quitar.

    Imagina o desespero dos CORVOS ESFOMEADOS, devem está todos em prantos e suicídios.

    ResponderExcluir
  25. PAREM de querer enganar as pessoas ,corretores de imóveis e cúmplices de corretores de imóveis, Parem de iludir os Outros e comentaristas nao contaminem o blog observador de mercado CRISE É CRISE GERAL .

    ResponderExcluir
  26. Me expliquem uma coisa...uma pessoa que possui imóveis alugados, pode gastar 100% do valor que recebe dos locatícios?
    Um investidor que possui investimentos nos mesmos valores que aquele cidadão que possui em imóveis...poderá gastar 100% dos rendimentos? ?
    Como fica a inflação neste caso ?
    No caso de rendimentos em aluguéis, o credor pouco se importa, já que seu patrimônio está 'blindado' pela economia...seja pelo aumento dos valores de materiais de construção, valorização (inegável até 2014).
    Quanto ao investidor em aplicações, considerando renda anual de 10% (média de 0,8% - lci,lca, etc), descontando a inflação (7% a.a - pra quem acredita) sobrariam 3% a.a para poder 'gastar o dinheiro ou pagar aluguel'... então temos uma situação complicada...
    Eu tenho imóveis alugados e aplicações financeiras...particularmente me preocupo muito mais com estas do que com aquelas...mas...cada um sente-se confortável com um ou outro tipo de investimento...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei responder... mas conheço um lula molusco e 9 tentáculos que ta vendendo trilpexxxxquisss com vista par ao mar... ele entendi muito bem desse assunto, formado em econômia em havard

      Excluir
    2. Essa sua conta é fácil de comparar:
      1 - Imóvel vale 600.000, sujeito compra à vista e aluga. Considerando valores em BH o aluguel com boa localização está uns 1.800. Em 12 meses, o rendimento do aluguel será 21.600. Olha que eu não considerei o tempo pra conseguir alugar e o gasto com condomínio durante esse tempo. Seria a situação ideal, alugar no primeiro mês.
      2 - O sujeito tem 600.000 investidos e mora de aluguel no mesmo prédio pagando 1.800 e uns 600 de condomínio. Gasto de 2.400. O investimento rende uns 5.500 por mês, olha que considerei investimentos normais. Descontando o valor do aluguel + condomínio sobra 2.100 por mês o que dá por ano uns 26.000 de rendimento.
      Qual é mais rentável? Detalhe muito importante, o que alugou o imóvel deve morar em outro imóvel. Suponha que valha tbm 600.000, se o que está alugando tivesse o valor desses imóvel investido (600.000) teria um rendimento de 5.500 + 2.100 = 7.600. Em um ano mais de 80.000.
      É muito fácil ver como investimento em aluguel não compensa. Concordo com você no sentido de diversifiar os investimentos. Se tens vários imóveis, vende algum e vive de investimento e deixa outros alugando. Em termos de Brasil, isso é pra poucos, muitos poucos hoje.

      Excluir
    3. E tem mais, quem mora de aluguel pode abater o gasto no imposto de renda.

      Excluir
    4. Cláudio, o aluguel não abate do IR, você continua pagando o mesmo IR morando ou não de aluguel. A obrigação de informar o aluguel é simplesmente para forçar o proprietário a informar essa renda e ele sim pagar mais imposto de renda se for o caso.

      http://economia.uol.com.br/imposto-de-renda/duvidas/posso-deduzir-o-aluguel-que-eu-pago-na-declaracao-do-ir.htm

      Excluir
  27. Samy Dana novamente se esquecendo de considerar a inflação. Tem que comparar o aluguel com os juros reais. Em cima disso, avalia também se os preços estão inflados e vão cair ou não. Num momento “normal”, o preço dos imóveis tende a subir junto com a inflação. Agora, provavelmente não.
    O Samy chega a uma conclusão certa, mas pelo caminho errado.

    ResponderExcluir
  28. Isso mesmo Destrutoras, amaguem por muitos anos um prejuízo sem fim, até pouco tempo atrás, vocês corvos e imobiliárias com seus pombais, se sentiam intocáveis, agora estão num buraco tão fundo e coberto de lama.

    ResponderExcluir
  29. Com a renda miserável do brasileiro tupiniquim, só se pode comprar no minha casa minha vida, só tem um problema, vai morar no matão, e pior, conviverá com bandidos de alta periculosidade, facções a todo momento ao pé de seu pombalzinho.

    Por isso quem tiver um pouco, aplique e não cai no conto do Corvo Esfomeado.

    ResponderExcluir
  30. Tesouro Direto, CDB, LCI... entre outros... são milhões de vezes melhores que Pombal velho.

    ResponderExcluir
  31. Acabei de ver no jornal Hoje uma reportagem sobre a influência que o Cunha exercia sobre o vice presidente da CEF à época, Gedel Vieira, em 2013, no governo da organização criminosa PT.
    Eles liberavam crédito para as construtoras que antes de vender já tinham a garantia da grana.
    Eu sabia que tinha essas coisas na Caixa.
    Daí fico pensando como a corrupção atinge a mim, que trabalhei a vida inteira e se eu quiser ter moradia digna tenho que pagar muito mais do que valha.
    Por causa dos ptralhas está ocorrendo essa crise na construção civil.
    Por causa dos Corretores, que sabiam, mas estavam ganhando... eu e você estamos sem moradia a não ser que paguemos 200.000 em um pombal de 40 metros quadrados.

    ResponderExcluir
  32. Chupa, Rio de Janeiro.

    Última: arrastão na Nossa Senhora de Copacabana. Doomsday. Ainda bem que não moro mais lá.

    ResponderExcluir
  33. Caro estimando Samy. A meu ver, desde o Plano Color que ficou claro que não é mais interessante investir a logo prazo em imóveis, a menos que o local tenha características de valorização rápida e sem ameasses na segurança. Mesmo com os voos de galinha característicos da nossa republica a muitos anos vejo a bolça de valores e alguns negócios, bem mais seguros. Até o INSS para min é armadilha, vãos todos para 3 salários, se não 1.. Justamente na idade de grandes gastos com a saúde.

    ResponderExcluir
  34. A maioria dos imóveis aqui em SP para alugar estão completamente detonados.
    Por essas e outras acabei comprando. Pude me dar ao luxo de CANSAR.

    ResponderExcluir
  35. Alguém pode me explicar porque o preço dos imóveis aqui no Brasil são mais caros que os dos Estados Unidos????? Tem coisa errada aí

    ResponderExcluir
  36. se eu pudesse comprar um apartamento decente bem perto do trabalho, gastando no máximo 30% do meu patrimônio, e pagando um preço justo (no máximo 120x o valor do aluguel) quem sabe eu não compraria? Mas não é o caso, infelizmente. Pra mim os preços estão completamente fora da realidade, e teria que gastar todo meu patrimônio pra adquirir um ap lixo. Então tem que analisar caso a caso. Pelo menos eu alugo um ap por um valor bem baixo que não atrapalha em nada a minha vida financeira e não me gera riscos, ap o qual eu teria q me enforcar num financiamento de 30 anos pra conseguir comprar, seria um risco imenso pra mim e não teria plano b caso algo desse errado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Calma que os preços ainda vão chegar lá

      Excluir
  37. – IR de 27,5%

    – Taxa de administração de 10%

    – Vacância de 15%

    – Depreciação do bem de 2% AA

    Realmente, segundo o especialista o Corvo 666 sempre tem razão com valorização de 30% a.a.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Portanto um imóvel que custa 500K, se for alugado por 0,4%, resultará em um valor de R$ 2.000,00 se retirarmos 27,5% de IR e 10% da Imobiliária, resultará R$ 750,00, portanto sobrará R$ 2.000,00 -550,00 = R$ 1.450,00 (Corresponde a 0,29% ao mês), ainda tem aqueles que acreditam que imóveis são bons investimentos. Quem comprou ainda gastou 4% para registra. KKKKKKKKKKK. 500K em uma aplicação rende no mínimo 1,1% ao mês = a R$ 5.500,00.
      Isto representa uma diferença de R$ 4.050,00/mês ou R$ 48.600,00 ao ano. KKKKKK

      Excluir
  38. kkkk, se explodam

    – Corretores rebatem nota e dizem que não têm culpa no IPTU.
    https://correiodolitoral.com/17352/corretores-rebatem-nota-e-dizem-que-nao-tem-culpa-no-iptu

    – Atualização do IPTU pode ter afetado 100 mil residências no Rio
    -Mudança na cobrança no IPTU gera filas e incômodos
    Pernambuco= a maioria dos 38 mil imóveis notificados têm registro de construção da década de 1970 e que as reformas de lá para cá nunca foram informadas à Prefeitura.)

    ResponderExcluir
  39. Opa Opa Opa... O valor dos imóveis está dentro do padrão, esse é o preço. Isso chama lei de oferta e procura, o valor do imóvel só aumentou porque tinha demanda.

    A razão da culpa é única e exclusivamente do comprador, que não tem o mínimo de educação financeira.

    ResponderExcluir
  40. Por morar em cidade pequena, Região Metropolitana de Curitiba, é comum conhecer muito desses pedreiros de ocasião. Pois bem, conheço dois, um deles é meu vizinho e o outro uma espécie de “tiozão” amigo da família da minha mulher. Os ganharam grana com o “boom” (não muita, mas naquele naipe de receber mais do que quem tem diploma universitário). O primeiro está desesperado, pq trabalha para um desses construtores ‘investidores” e todas as obras estão se encerrando e não há qualquer previsão de novos empreendimentos. O segundo (o tiozão) aparece quase todo dia na casa do meu sogro implorando por qq trabalho que lhe dê alguma renda, pq atualmente está à beira de passar necessidade.

    Atualmente tenho notado que até mesmo aquelas pessoas bem ignorantes, que até pouco tempo atrás juravam q imóvel é o único investimento correto, que inclusive cheguei a discutir com algumas delas, já têm a exata noção que o valor dos imóveis está caindo. Pelo menos no círculo de Fernandos q conheço isso já está se tornando assunto pacífico.

    ResponderExcluir
  41. Motumbo de chapéu e toalha verde pindurada…

    Acabou a festa Corvaiada... vida longa ao fubazinho.

    ResponderExcluir
  42. É revoltante , sou oficial do Exército Brasileiro e atualmente não tenho condições de comprar um imóvel digno. Até posso mas tenho que dar todas as minhas economias apenas para a entrada e dividir o restante em 35 anos, pagando 3.800 por mês.
    Culpa desses comunas preguiçosos que não souberam gerir a coisa pública.
    Essa política safada socialista de achar que dinheiro nasce em árvores quebrou o Brasil. Fazer o quê, agora é pagar a conta do 09 dedos e da analfabeta guerrilheira que nem sabe conversar.

    ResponderExcluir
  43. Desde o início do plano real até o ano 2000, a taxa real de juros no Brasil era acima de 15% AA
    De 2000 para cá a taxa de juros reais no Brasil, seria de aproximadamente 8% AA ou 0,667% AM
    https://roselisilva.files.wordpress.com/2016/05/7-l-taxas-reais-e-nominais-copia.jpg

    Considerando um imóvel que seja vendido por 150K e um aluguel de 1K/mês

    Se for feita uma aplicação de 150K, isto renderá um juros, e será feito mensalmente um saque de 1K (150X) para pagar o aluguel.
    Pegando estes 150K e colocando numa aplicação que renda 0,667% ao mês, o saldo da aplicação nunca decairá.
    Numa aplicação com juros reais de 0,58%, o saldo desta aplicação estará zerado em 30 anos.

    Sendo considerado apenas o fator financeiro, sem considerar os fatores que pesariam a favor do aluguel, como:
    – Depreciação em função do tempo de uso
    – Custos de reparos
    – Taxas e impostos na compra
    – Custo de oportunidade
    – Baixa liquidez
    – Falta de flexibilidade em função de mudanças de trabalho ou de tamanho da família
    – Desvalorização do imóvel em virtude de queda na procura.
    – Problemas de partilha num eventual divórcio

    Conclusão
    Do ponto de vista exclusivamente financeiros, desconsiderando os fatores depreciadores, somente seria interessante a compra de um imóvel com um fator abaixo de 150X.

    ResponderExcluir
  44. Queriam vender pombais a preço de diamantes. Agora vao amargar anos de perdas kkkkkk

    ResponderExcluir
  45. Blá Blá sempre a mesma historia, e voces acredita mesmo que isso é verdade, basta ir ve os imoveis por ai, os valores ta alto e vai continuar assim, quem quiser compra assim se nao quise mora de aluguel e ponto final

    ResponderExcluir
  46. me recuso a pagar um valor altíssimo nesses pombais de lixo, caindo as pedaços, já que não baixam o preço pela ganancia, morra ai com suas gaiolas, por que ninguém cai mais nesse golpe de imóvel valoriza 30% a.a.

    ResponderExcluir
  47. Eu quero ver o 666 bananense acreditar nisso.

    O pior que nem demonstrando matematicamente ajuda.

    ResponderExcluir
  48. aluguei de conhecido (mas não amigo), prazo longo, imóvel precisando de reformas. Tratei um aluguel condizente com as condições do imóvel, prazo longo, meti uma cláusula pesada de indenização caso o cara quisesse me tirar antes, me comprometi em contrato a reformar o apratamento e fiz as reformas (do meu bolso em boa medida).

    Agora, estou relax num imóvel em bom estado, aluguel conveniente, e com garantia contratual de ficar por vários anos. Mas tive sorte de achar a contraparte ideal.

    Mas comprar com preços astronômicos, totalmente fora da realidade da renda do brasileiro, além do país ser uma bomba relógio, onde a todo momento acontece uma tragédia, economia instável, políticos vagabundos que sugam nosso suado dinheiro com impostos surreais, bom, finalizando, comprar um apartamento no Bananal é mais difícil que comprar em Manhattan.

    ResponderExcluir
  49. proposta de regulamentacao de-distratos gera preocupacao-em associacao-de-mutuarios
    – só o governo e construtores participaram da elaboração..
    – a multa é uma percentagem do valor pago e não do valor do imóvel
    – a comissão do corvo fica retida novamente como se tivesse sido paga
    – a multa ao vendedor não é proporcional

    http://conexaoto.com.br/2017/01/12/proposta-de-regulamentacao-de-distratos-gera-preocupacao-em-associacao-de-mutuarios

    É Corvos, a situação fica cada vez mais preta, triste por vocês kkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  50. Comprar imóvel no bananal é assinar carta de burrice.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No RÉU DE sujeira tambem..kkkk alias, brasil todo ta um lixao ....

      Excluir
  51. Quem fala que imovel não é investimento é porque nunca teve o seu, ou senao comprou na hora errada,
    comprei um terreno em 99 por 30 mil vendi em 2001 por 250mil hj deve valer por baixo 1.500milhao,
    tenho apartamentos comprado em 2001 na faixa 50 a 70 mil alugados até hj q valem mais 300 mil cada um, melhores investimento continuam sendo imoves e bolsa de valores, isto é fato.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É meu amigo em 2001! A farra acabou. Quem comprou nessa época e até mesmo depois conseguiu fazer dinheiro e contribuir para a crise atual imobiliária. Se o terreno vale hoje 1.500 milhão, deve ser gigante. Detalhe, o valor que o proprietário acha que vale hoje não é o mesmo valor pelo qual se vende.

      Excluir